Quatro Fases da Lua
Moreno iluminado
Cabelos dos sonhos
RESENHA: SKIN PERFECTION EUDORA

Sobre 2017 e planos para 2018

Bom, esse post é um pouco diferente de todos os outros que já fiz, porque quero compartilhar com vocês um pouco do que aconteceu nesse ano e o que ele significou para mim. 2017 foi um ano difícil, estressante, cansativo e cheio de situações as quais eu não queria ter passado. Mas a vida é assim, não é fácil, dói. Mas o que percebi é que a dor nos ensina muito. Muitas vezes precisamos passar por um momento sofrido ou completamente fora da nossa zona de conforto para que possamos aprender a viver. E é essa palavra que define o meu 2017: aprendizado. Aprendi muitas coisas, amadureci (e preciso amadurecer muito ainda), passei por experiências únicas e momentos felizes apesar de tudo, como meu primeiro atendimento na faculdade, conhecer a Boca Rosa, assistir ao show do Whindersson Nunes, e outras coisas que foram muito importantes para mim.

Nesse ano, apesar de todas as dificuldades, resolvi enfrentar alguns medos e inseguranças, medos esses que me prejudicavam e freavam tanto, como por exemplo, o próprio blog, pois projetei nele um sonho, mas por medo, estava postando pouco, escrevendo coisas que não eram tão eu. Depois de te-lo perdido, agora sim percebo o quanto esses medos eram bobos. Aprendi a dar mais valor nas coisas e a ser mais paciente, apesar de toda minha impaciência. Aprendi que posso ser mais forte do que penso e que preciso me manter mais firme aos meus objetivos.

Eu coloco o meu curso como sendo uma das maiores fontes do meu estresse desse ano, mas também de todo o aprendizado. A faculdade é cansativa, quem faz sabe do que estou falando, mas a Psicologia tem me transformado, e por fim, isso importa mais do que todo o cansaço e estresse. A Psicologia me fez ser uma pessoa mais humana, mais sábia, mais empática e mais forte. Ainda, também acredito a cada período que está por vir e a cada experiência, apesar das dificuldades, vou me transformar mais e mais, aprender mais e mais.

E tudo isso me fez pensar: o que quero para esse ano que está por vir? Não sou do tipo que coloca expectativas em uma mudança de ano, porém, eu sei o quanto minha vida vai mudar em 2018 por alguns aspectos que posso falar posteriormente, se tudo der certo. Minha vida vai mudar muito! Isso eu posso dizer. Então eu sei que em 2018 também vou aprender muito, e provavelmente, vou viver mais situações cansativas, mas me sinto tão feliz de pensar nisso. Acho que tudo vale a pena para conquistar o que eu quero e crescer como pessoa. E é isso que quero em 2018: crescer mais! Não de tamanho, porque sou baixinha mas aos 20 anos não vou crescer mais (triste). Mas como ser humano, como filha, namorada, irmã, "mãe", estudante, amiga, blogueira e mais.

Eu sou uma pessoa extremamente musical, então a música mexe muito comigo e me inspira muito. Me sinto em muitas músicas, e tem uma em especial, que me motiva a querer ser cada vez mais forte e acreditar em mim mesma. Vou colocar ela aqui para vocês ouvirem se quiser, com a tradução, porque ela é linda e motivadora, e diz muito sobre o que espero do que está por vir e do que desejo para todos vocês. Muita força.

Canção de Luta

Como um pequeno barco no oceano
Enviando grandes ondas em movimento
Como uma única palavra
Pode fazer um coração se abrir
Eu posso ter apenas um fósforo
Mas posso fazer uma explosão

E todas aquelas coisas que eu não disse
Bolas demolidoras dentro do meu cérebro
Vou gritar bem alto hoje à noite
Você pode ouvir minha voz?

Desta vez este é o meu grito de guerra
Pegue de volta o meu grito de vida
Ele prova que estou bem
Meus poderes estão ligados
À partir de agora eu vou ser forte
Eu vou cantar o meu grito de guerra
E eu realmente não me importo
Se ninguém mais acredita
Porque eu ainda tenho
Muita força em mim

Perdendo amigos e perseguindo o sono
Todo mundo está preocupado comigo
No fundo, eles dizem que estou no fundo do poço
E fazem dois anos
Que eu sinto falta da minha casa
Mas há um fogo queimando em meus ossos
E eu ainda acredito, eu ainda acredito

E todas aquelas coisas que eu não disse
Bolas demolidoras dentro do meu cérebro
Vou gritar bem alto hoje à noite
Você pode ouvir minha voz desta vez?

Este é o meu grito de guerra
Pegue de volta o meu grito de vida
Ele prova que estou bem
Meus poderes estão ligados
À partir de agora eu vou ser forte
Eu vou cantar o meu grito de guerra
E eu realmente não me importo
Se ninguém mais acredita
Porque eu ainda tenho
Muita força em mim
Muita força em mim

Como um pequeno barco no oceano
Com ondas grandes em movimento
Gosto como uma única palavra
Pode fazer um coração se abrir
Eu posso ter apenas um fósforo
Mas posso fazer uma explosão

Este é o meu grito de guerra
Pegue de volta o meu grito de vida
Ele prova que estou bem
Meus poderes estão ligados
À partir de agora eu vou ser forte
Eu vou cantar o meu grito de guerra
E eu realmente não me importo
Se ninguém mais acredita
Porque eu ainda tenho
Muita força em mim
Agora eu ainda tenho muita força em mim

Escrevi esse post de coração e espero que a mensagem da música marque vocês tanto quanto marca a mim, que fortaleça o coração de vocês assim como fortalece o meu também.

Quero agradecer ao meu namorado por ter feito o desenho de 2017 para esse post com tanto carinho, ficou a cara do blog e a minha cara também. E quero também agradecer a ele por todo o apoio que ele sempre me dá, inclusive com o blog, sem ele talvez eu nem teria mais o blog.

Enfim pessoal, espero que vocês festem muito essa noite e tenham uma ótima virada de ano. E também que vocês tenham um feliz ano novo, e mesmo sendo clichê, de coração, que o ano de vocês seja de muitas realizações, alegria e aprendizagem.

Obrigada por ter lido até aqui! Se gostou, me siga no Instagram ou Facebook para ficar por dentro das novidades do blog.

Até ano que vem pessoal e boas festas!!

Depressão e setembro amarelo + o blog está de volta!
Vamos falar sobre perdas?